"Nem Sempre o que Pensamos é o que Vivemos... E na Maioria das Vezes o que Vivemos é o que Jamais Pensamos..."
Fulvio Ribeiro

Não entendo...

Author: Fulvio Ribeiro /





Como a vida que é tão bela

Maltrata-nos sem piedade...

Às vezes penso que um é sonho

Porém em sonhos, não corremos riscos...


Se o medo não fosse tão meu amigo

Seria mais fácil conversar com a loucura

E aventurar-me no improvável

Provando o que nunca deveria...


Você me prende, sem algemas

Encanta-me, sem magia

Faz-me entender o inexplicável

Tudo porque, você apenas existe.




Por: Fulvio Ribeiro

Imagem: Google

41 comentários:

claudete disse...

Como somos controversos em relação ao medo ,mas se não fora ele como admirar tão bela construção poética . Parabéns por tanta coisa dita com poucas palavras. Abraços.

Fernando Arjuna disse...

Adorei o texto.

Juliana Lira disse...

Me prende sem algemas... É o amor!
O amor...

Seus posts sao sempre lindos e delicados meu amigo!E eu gostomuito de vim aqui.

E teu 'Corintias'? rs #torcedorPirado

Milhoes de beijos

Juliana Lira disse...

Nome novo hein? O povo de Marte sempre inovando rsrs

Acho que o Versos e Reflexoes casa bem mais com meu amigo poeta.

Milhoes de beijos

Silmara Moreira disse...

Oi querido, que lindo seu blog, lindas palavras...
Vim fazer parte daqui tbm
fico feliz por tbm participar do meu espaço.

grande beijo e ótima semana!

Anônimo disse...

Será que você encanta quem te encanta?

É o que te encanta?

A melhor coisa da vida e ter alguém que nos encante.
que nós roube deste mundo e por um momento nos faça sentir que esse mundo pode ser mais bonito.

cinha disse...

Lindo Fulvio, adoro seus poemas, sempre volto aqui pra me deliciar com seus textos. Um bj carinhoso.

CARLINHA disse...

olá meu amigo que lindo texto adorei como sempre os seus textos são maravilhosos parabéns....um super beijo pra vc fique com Deus...

Carmen Regina Dias disse...

Bello!
Amei o poema, o clima, a música,
tudo mostrando a beleza de tua alma
de poeta.

Grata, Fulvio

por este momento sublime de poesia.

Mari Amorim disse...

Fulvio,
Muito bonito seu poema,sua forma de escrita está cada vez mais surpreendente,parabéns!
Desculpe meus neurônios,não consegui alcançar sua linha de pensamento em meu blogue,
Boas energias,
um abraço,
Mari

Natalia Campos disse...

Isso é a loucura de viver.
Estou seguindo (:
Au revoir.

Fulvio Ribeiro disse...

Claudete...

Verdade acho que o medo até nos inspira as vezes, valeu a visita.
Abraço.

Fulvio Ribeiro disse...

Fernando Arjuna...

Volte outras vezes.

Abraço

Fulvio Ribeiro disse...

Juh Lira...

Você sempre carinhosa, obrigado pelas palavras,
o "Corinthians" é uma paixão minha de infância que esta cada dia dia mais "viva" (risos).
Que bom você ter gostado do novo nome do do blog.

Grande abraço.

Fulvio Ribeiro disse...

Silmara...

Fico feliz por ter você entre os meus aqui.
Seu blog é muito bacana, sera um prazer visita-la sempre que possivel.
Abraço

Fulvio Ribeiro disse...

Cinha...

Verdade sempre vejo seus rastros saudáveis aqui.
Muito obrigado por sempre vir aqui, seus comentários são sempre muito importantes para mim.

Grande abraço.

Fulvio Ribeiro disse...

Carlinha...

Menina nem vou lhe falar nada, apenas agradecer sua visita,minha grande Amiga...!!!

Beijos.

Fulvio Ribeiro disse...

Carmen Regina...

Que honra tua visita em meu humilde blog...
fico cheio de felicidade com sua presença aqui.
Grande Abraço.

Fulvio Ribeiro disse...

Mari...

Vindo de você, que tanto me ensina isso é mais que bem vindo...
meus pensamentos lá foram tão simples que ficaram meio obscuros néh? mas você que não tinha segredo, (risos).

Grande Abraço

Fulvio Ribeiro disse...

Natalia Campos...

Verdade... e muita loucura.

seja bem vinda, retribuirei a visita com muita alegria !!!!

Muita Paz.

Ira Buscacio disse...

Cada verso, beleza e capricho, sua maturidade poética vista a olho nu.
Bj, Meu amigo tão querido

Mari Amorim disse...

Desculpe-me Fulvio,realmente não havia entendido..Concordo com você plenamente!
Obrigada,amigo!
um abraço!
Mari

Sotnas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sotnas disse...

Olá Fulvio, desejo que tudo esteja bem contigo!
Meu caro é sempre um prazer por cá passar, pois sempre encontro um belo escrito, feito este poema tão cheio de alma, e em companhia de bela imagem, parabéns pela bela postagem!
Agradecido pelas tuas visitas e comentários desejo a você e todos ao redor muitas e infinitas felicidades, e um grande abraço e até mais!

Mari Amorim disse...

xiiii amigo!!!!!!!!
acho que estamos com falha em nossa comunicação!
O sinal de fumaça está com defeito cóf,cóf...
(Concordo com você plenamente!ref.a postagem)
entre amigos não existem segredos,apenas momentos de introspecção.Obrigada,pelo carinho das replicas,tréplicas.
Um abraço

Érica disse...

oi amore

agora os meus comentários não serão mais através do seu nome

Sou sua Fá
bjus

Fulvio Ribeiro disse...

Ira...

Obrigado pelo carinho e apoio.
Você sabe que sou seu fã.

Grande abraço.

Fulvio Ribeiro disse...

Sotnas...

Valeu...!!!

Abraço.

Fulvio Ribeiro disse...

Mari...

O sinal de fumaça falhou...(risos)

Grande Abraço.

Fulvio Ribeiro disse...

Érica, minha amada...

Ai sim, agora gostei só faltou a foto, eu tbm sou teu fã sempreeeeeee. Te Amo!!!

Beijos

Mari Amorim disse...

Ah...Fulvio,não pude resistir...
plac!plac!plac!(aplausos!)adorei,parabéns a esse casal tão bonito!
eu sou fã de vcs!
um abraço duplo cheio de boas energias!!!
Mari

OutrosEncantos disse...

ah Fúlvio, você é amigo doce e bonito sim!
o que mais importa é que alguém saiba nos encantar, porque isso nos faz muito bem.
deixa o medo p'ra lá, porque o momento é sempre de arriscar e viver.
sonhar é muito bom, principalmente acordado...:)
eu gosto:)
sonhar, correr atrás e concretizar :))...
lindissimo o poema e doce.
beijo meu.

Luciane Morais disse...

Linda poesia, amigo!

...que felicidade quando alguém, nos diz - obrigado por vc existe...

Abraços,
Lu

CARLINHA disse...

O meu amigo imagina sempre que da estou por aqui vc que é muito especial e obrigado pelo carinho de sempre ..bjssss fica com Deus...

minha vida disse...

oi tudo bem seu blog é muito bom to te seguindo se vc quiser
segui o meu mhttp://panteraminhavida.blogspot.com/

juninho disse...

o mais perfeito de todos....
vc é um grande poeta M.A.R.A.V.I.L.H.O.S.O!!!!!

Zélia Cunha disse...

Fulvio, boa tarde! Bonito seu espaço, sua poesia me encantou.
Abraços
Zelia

Reginna Sampaio disse...

Bela poesia ... muito bom gosto e delicadeza no uso das palavras . Parabéns .

OutrosEncantos disse...

sei que passei por aqui no dia 10, o "furacão" tecnológico deve ter levado também meu comentário..., como levou tantas outras coisas!
volto para dizer-te que toda a tua poesia é doce e linda, e este poema particularmente.
deixo-te meu beijo e abraço e carinho.

orvalho do ceu disse...

OLÁ, FÚLVIO
BONITO O POEMA CHEIO DE TERNURA AMOROSA... PARABÉNS!!!
Abraços fraternos e ótimo fim de semana.

Anderson Tomio disse...

Fulvio,

Pelo trabalho que vens desenvolvendo no blog,
fazendo através do conteúdo de suas postagens,
algo que proporcionem a pensar e refletir sobre o conteúdo, deixei pra você um presente em meu blog que enfatiza isso. O selo - ESTE BLOG TRANSFORMA PESSOAS" ,resgate-o. Parabéns!!!

Com Carinho Anderson Tomio

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails