"Nem Sempre o que Pensamos é o que Vivemos... E na Maioria das Vezes o que Vivemos é o que Jamais Pensamos..."
Fulvio Ribeiro

Tempo

Author: Fulvio Ribeiro /



Quão triste e cruel é esse tempo que nos Separa.

Insistindo em nos causar tantos desencontros,

Ferindo sem piedade um coração que ama.

Tornando-me refém daquele, que me deveria servir de resgate.

Tudo isso, por querer você.


Mas não seria honesto desistir, não agora.

Já que estou preso, suportarei as conseqüências,

E aguardarei firme o tempo que nos espera.


Farei sim por Amor, farei sim por você.

Pois o tempo que nos Separa é Triste e Cruel,

Porém o que nos Espera é Belo e Eterno.



Por: Fulvio Ribeiro.

Imagem: Google.

36 comentários:

CARLINHA disse...

É meu amigo as vezes o tempo é um dos maiores inimigos que temos ....ficou lindo Parabéns ,beijos....

Juliana Lira disse...

Querido amigo

O tempo pode ser tão cruel!Lembrei de um post que fiz que se intitulava 'Sobre o Tempo...'Ele corre quando o queremos estáticos e fica estático quando queremos que corra, ele é um algoz dos mais ferozes.

Seu post é lindo!Fala de saudade, esperança e amor.Não desista nunca do que vale a pena esperar, pois são as coisas mais difíceis as que nos trazem maior felicidade.

E é por um amor como esse aí e um querer como esse aí, que vale a pena gastarmos todo o nosso tempo!

Milhões de beijos ઇઉ

A Madrasta Má disse...

Obrigada pelo carinho!
Bjinhos da Madrasta!

angela disse...

Que assim seja, meu amigo, que assim seja.
beijos

Déia disse...

Pra quem ama....o dia tem 48 horas!

bj

Camila disse...

Queria eu conseguir esperar... sou impaciente.
Lindo poema.
Lindo blog.

BeijOs meus

Pelos caminhos da vida. disse...

Em alguns casos o tempo é o melhor remédio.

beijooo.

RESILIÊNCIA disse...

Caro Poeta


Obrigado pela visita. Gostei do que vi e li.

Parabéns. Um grande abraço

Dalva disse...

Boa noite, Fulvio!

Agradecendo e retribuindo a visita, vim conhecer o blog. Gostei dos ares por aqui: muito bacana a tua poesia!

Bjs.

Lady disse...

Olá, com licença! Estava navegando e encontrei seu lindo blog.
Sou apaixonada por poemas e poesias, principalmente que falam de amor.
Navegar nos sentimentos, viajar no mundo do desconhecido e do imaginário, é conhecer um pouco do nada e de tudo que existe dentro de nós,expressar tudo isso é um grande desafio.
Sua poesia pode curar almas desencantadas.
Parabéns pelo dom divino, imagino a dimensão do seu ser...
Continue assim.
Desejo de coração que sua semana seja iluminada e recheada de amor e paz.
Bj

Layara disse...

...o tempo que separa, por vezes diriamos castigo dos deuses, quiça brincam conosco...o amor na distancia as vezes a distancia do amor...e de todos os sentimentos o da espera é uma incerteza...

letras sentidas Poeta. Belo poemaar.

Bjo! Paz e Luz!

gostei e voltarei

Mai disse...

O mesmo tempo é memória que preserva, é prazer do hoje e é perspectiva no amanhã.
Fico pensando como seríamos sem memória.
Mas pensando assim, bem de pertinho, o tempo, cada um é que faz. Mas há o tempo certo das coisas e cada coisa tem seu tempo.
Por fim, paradoxal e perene, o tempo é mistério e álibi.
abraços

Lady disse...

Seja muito bem-vindo ao meu jardim, estou feliz com sua preciosa presença!!!!
Claro que pode me linkar, fique á vontade, será uma honra.
Já me juntei aos seus amigos e seguidores, e irei te linkar também tudo bem?
Tenho certeza que seremos bons amigos.
Beijos carinhosos pra ti.
Lady

Joéliton dos Santos disse...

Olá!!
Também estou lhe seguindo.
Gostei demais do seu blog, muito show!

grande abraço.

Elaine Barnes disse...

Vi que está como seguidor no meu blog. Não vi um comentário por lá,mas, vim te conhecer e admirar seu trabalho. Parabéns pelo poema,o tempo é sábio e sempre um remédio poderoso. Montão de abraços de Feliz Páscoa e Renascimento,sempre há tempo!

*Mi§§ §impatia* disse...

Oi, gostaria de agradecer sua visita no meu blog e por me seguir......tb estou te seguindo e virei aqui sempre, pq seu blog é muito bom, show de bola.
Beijos.

Cris disse...

Abrindo um novo blog e passando por aqui para conhecer o seu.

O amor e sua exigências, seus caprichos.."leis" tão próprias e singulares desse sentimento. Caminhos que muitas vezes precisamos percorrer mesmo que não seja o escolhido, o mais fácil, o mais agradável, mas...pelo amor? Tudo. E quem disse que teríamos escolhas....rs

Um beijo pra vc

José Antonio disse...

Antes de mais nada agradeço pela visita, seu poema sobre o tempo é valida sempre o tempo este carrasco implacavel de nossas vidas que não perdõa... um grande abraço estou seguindo agora viu.

Mari Amorim disse...

Feliz Páscoa!
que suas esperanças sejam renovadas.
Boas energias,
Mari:)

Maria Bonfá disse...

o tempo as vezes é cruel.. mas nunca desista seja pelo tempo ou distancia.. resista sempre.. beijão

Geisa Machado disse...

E por ser belo e eterno é que vale a pena esperar!
Oi Fulvio! Obrigada pela visita ao meu blog e por se tornar seguidor.
Bjussss

Cia. De Teatro Atemporal disse...

Grande, Joel!

A Cia. De Teatro Atemporal se sente honrada com o comentário que deixou em nosso Blog!

Temos conhecimento das lutas que essa arte enfrenta. Dentre elas, para levar a 'Arte do Teatro' não apenas para alta sociedade e sim para todos.

Se um dia você vier a cidade do Rio de Janeiro ou quando estivermos em circuito em Maringá, Curitiba e adjacências, convidamos você para conhecer a nossa companhia!

Sempre que pudermos, estaremos passando pelo seu Blog!

Obrigado pelo apoio e carinho!

Receba um forte abraço da Cia. De Teatro Atemporal!

Clemente.

Cia. De Teatro Atemporal.

Rio de Janeiro, RJ - Brasil

Naty Araújo disse...

Perfeitas palavras... A imagem ficou show também.
Adorei!

Ahhh e gostei do layout também rsrs. Enfim... gostei do blog todo rsrsrs.
Beijos.

P.J. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lady disse...

Oie!!!!
A postagem do Dia Internacional do Homem, foi um convite do amigo Elcio do Verseiro, para descontrair no dia de hoje, 1° de abril.
É uma brincadeira, e como eu adoro brincar, aceitei.rs
Tenha um feriado mega, ultra especial.
Beijos carinhosos

seu gordo disse...

parabens esse espaço e muito bom abraçao fica na paz !

Fátima disse...

Bom dia Fulvio !

O tempo é muito lento para os que esperam
Muito rápido para os que tem medo
Muito longo para os que lamentam
Muito curto para os que festejam
Mas, para os que amam, o tempo é eterno.

William Shakespeare

Agradecemos por nos acompanhar, seja bem vindo e receba nosso carinho.
Paz e renascimento.
Feliz Páscoa.

Beijo.

Sandra Botelho disse...

Desistir do amor nunca. me fez lembrar o filme A Casa do Lago.
Lindo demais. Bjos no coração!

Lady disse...

Vim deixar meu carinho e desejar uma Páscoa maravilhosa, muito amor e paz.
Beijos ternos

continuando assim... disse...

estamos perto do final... se final houver.
o capítulo 18, é o último capítulo do livro
quem já leu o "Continuando assim...", sabe como termina o livro.
A todos vocês que têm andado por aqui pacientemente , lanço o desafio prometido .
Antes de publicar o último capítulo , gostava que me dissessem como gostariam de terminar esta história de Alice e André.
Podem publicar os "vossos finais" nos comentários ou mandar directamente para o mail
queirozteresam@gmail.com
Irei postar aqui todos os finais possíveis , todos os "vossos finais" :)
Estou quase certa que algum de vós encontra o final perfeito.
está lançado o desafio, para já espero as vossas respostas
um grande beijo a todos !!

Teresa

Vivian disse...

...feliz por tê-lo recebido em meu cantinho,
deixo beijos e parabéns por tão linda
página.

boa semana, poeta!

Misturação - Ana Karla Tenório disse...

dependendo o tempo que passa é o que revela.
Lindo teu blog, teu lay out.
A seguir.
Um xero!

Alma Mateos Taborda disse...

Bello poema, lleno de nostalgias por el tiempo que a veces separa. Pero nunca hay que renunciar al amor. Felicitaciones! Un abrazo.

Lady disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Lídia disse...

Tempos que não te leio, imperdoável. A gente corre...corre.. Buenas, voltei pra te dizer da saudade que sinto e que teu poema é mágico como o amor que suporta o tempo.
Bju n'alma.

DICAS DE ROBERTH disse...

SEU TEMPO É DE MOSTRAR AS BEM AVENTURANÇAS DE DEUS PARA TODOS... PARABÉNS POR SER ESTA PESSOA FANTÁSTICA, CONTINUE ASSIM CULT E REPLETA DE CARISMA LITERÁRIO.

DE SEU AMIGO SEMPRE ROBERTH FABRIS

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails