"Nem Sempre o que Pensamos é o que Vivemos... E na Maioria das Vezes o que Vivemos é o que Jamais Pensamos..."
Fulvio Ribeiro

Ele veio...

Author: Fulvio Ribeiro /




Sentada no mesmo lugar,

Com seu velho vestido preto,

A linda jovem ainda o aguarda

Com o coração apaixonado.


Nada ao redor lhe atrai

Tudo perdeu o sentido,

Pois seu coração espera unicamente,

Aquele que um dia, prometeu buscá-la.


Quanto tempo já se passara,

Mas o amor a chamava,

E toda noite ela ia até aquele lugar

Com a esperança de encontrá-lo.


Como ela o amava...

Esse amor lhe dava força

Esse amor lhe dava coragem

Esse amor lhe dava esperança.


Hoje ela não vira ao lugar de sempre

Pois seu amado cumpriu o prometido.


Essa tarde,

Ele entrou no quarto da jovem que dormia.

E contemplando a beleza da moça,

Lágrimas escapavam-lhe dos olhos

Tocando-a na face, ele disse: “Eu vim”.


Ela acordou, olhou para ele e sentiu-se viva...

Não se contendo disse: “Sempre te esperei”

Abraçaram-se com amor e partiram...


Deixando sobre a cama dela, apenas um corpo,

Que para nada mais servia.




Por: Fulvio Ribeiro

Imagem: Google

10 comentários:

*Mi§§ §impatia* disse...

E esse é o verdadeiro amor eterno.........
Lindo fim de semana, beijos.

Zil Mar disse...

Que lindo!!!!

E tb triste....mas o amor é assim...

bjos!!!!!

Zil

OutrosEncantos disse...

Esperou uma vida inteira, não é?!
Mas se ela não sabia ser feliz de outra maneira?!...
Muito lindo o teu poema, Fulvio, gostei imenso!
Beijo

Andréa P. disse...

QUE LINDO!
eu amo seu blog *-*

beijos

Ira Buscacio disse...

Fulvio, meu amigo de boa prosa,

Um amor que ultrapassa a fronteira do real!
Amei, amigo!

Bjs e bom fds

Cristina Lira disse...

Mui lindo...nota 10, rs!!!
Parabéns!!

Cristina Lira disse...

Estou divulgando teu blog ...coloquei-o entre os links que recomendo...bjos!!!

CARLINHA disse...

Nossa Querido é meio triste mas é lindo ,um amor que ela sempre esperou que prometeu que voltaria e ela foi fiel ali o tempo todo naquela promessa espero até o fim e finalmente pode encontrar ele e partir com ele,....Parabéns mas um lindo texto como sempre e cada vez melhor....bjs fica com Deus que ele continue te dando essas inspirações pra que vc possa escrever muito mas textos lindos ....bjs se cuida viu....

LUCIENE RROQUES disse...

Só algo a dizer! Parabéns, Parabéns, belíssimo texto.Sutilmente audaz, verossímel, perfeito.
Um abraço!

Patrícia Pinna disse...

Bom dia, Fulvio. Um poema lindo, que me deixou arrepiada conforme eu ia lendo.
Um amor atemporal, que nada pode destruir, nem mesmo a morte.
Finalmente o espírito dos dois irão poder dar continuidade ao sentimento lado a lado.
Beijos na alma e fique na paz!
Te adoro, assim, como a tua escrita.

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails